Pescaria noturna no Feroz – 30/11/12

No finalzinho do ano nosso carpeiro Márcio Giannico vai em busca de capturas numa pescaria noturna do Feroz. Ele e seus amigos conseguem uma grande quantidade de ações e bons exemplares principalmente de Carpas Cabeçudas nos aromas variados das infalíveis Massas Farofa do Carlão!

 

 

 

Olá pescadores!

Após alguns meses, voltamos ao Pesqueiro Feroz, localizado na cidade de Santana do Parnaíba, interior de São Paulo, para realizar uma pescaria noturna.

Eu (Márcio Giannico), nosso colaborar Hélio e o amigo Adan Bruno, que conhecemos por intermédio de nossa página de pescadores de Carpa cabeçuda no Facebook (http://www.facebook.com/groups/261087067285264), já tínhamos acertado tudo há mais ou menos um mês atrás, pois, quando se trata de pesca durante a noite, muitos detalhes fazem a diferença.

Como havia algum tempo que não pescávamos no Feroz, não sabíamos exatamente o que as rainhas estavam comendo por lá. Neste momento a experiência ajuda. O primeiro passo a seguir é buscar informações. Caso não consiga muita dica, reúna o máximo de detalhes da última vez que esteve no local e tente lembrar a forma que as Carpas Cabeçudas mais bateram, como profundidade da isca. Tente variar ao máximo o cardápio até encontrar a massa mais eficaz no dia.

Chegamos por volta de 17:30, depois de realizar uma tranquila viagem via rodoanel. O tempo já ameaçava uma boa chuva como descrito pela previsão, mas nada que desanimasse esses Loucos por Pesca. A animação era grande!

Nos instalamos em nosso lugar favorito, lado oposto do restaurante, um point que sempre resultou em grandes pescarias. Encontramos muitos amigos cabeçudeiros, entre eles nosso parceiro Hélio “japa”, gente da melhor qualidade e “carpeiro dos bons”, que já havia garantido ótimos exemplares.



Uma bela rainha na faixa de 15kg.


Com tranquilidade fomos nos acomodando e precavendo, pois a noite seria daquelas: chuva, chuva e mais chuva! O amigo flagrou este momento de montagem do nosso “alojamento”.


Aos poucos, todos os equipamentos já estavam à espera das rainhas.


Com a chegada da noite, o japa também garantiu sua primeira na noturna! Ele chegou por volta das 10 da manhã e pescou até a meia noite.


Logo que escureceu, minha boia desceu e como da outra vez tinha resultado na Farofa do Carlão de amendoim.


Hélio também vê seu molinete disparar já que a boia havia sumido fazia tempo! Uma bela briga e mais cabeçuda no Loucos!


Essa atraída pela massa Farofa do Carlão de frutas!


Hélio, que havia arriscado uma varinha de fundo com massa kibinho, garante boas brigas com pequenos redondos no material leve.



Sob um dilúvio, uma de minhas boias desce e garanto mais uma bonita Carpa.


Uma cabeçuda com um problema muito sério no maxilar, porém que mostrou estar ativa e se alimentando.


A chuva aperta e nossa improvisação de barraca mostra serviço.


Hélio aproveita o embalo e fisga outra cabeçuda na Farofa do Carlão de frutas.


Neste momento, Adan bruno fisga uma cabeçuda, enquanto Hélio briga duro com um peixe de fundo na massa kibinho. Uma rainha e uma bela Pincachara apareceriam em seguida num duble inédito.


Uma sequência de Carpas Comuns também fez parte da pescaria noturna.



Massa Kibinho dando resultado! No final da matéria finalmente passarei a receita desta nova sensação na pescaria de fundo.


Com a chuva muito forte, as dificuldades aumentavam. Agora a pesca estava no limite e o que nos aquecia eram as boas brigas com nossas rainhas!


Deixei uma vara com salsicha pra tentar um Pintado, por sinal existem exemplares acima dos 20 kg no Pesqueiro Feroz, mas desta vez um grande bagre africano foi quem encharutou a isca e proporcionou uma boa briga com corridas fantásticas. Foi muito bom encontrar este símbolo da pesca em pesqueiros, que apesar de ainda ser muito descriminado, é um peixe muito esportivo e existem exemplares com tamanhos absurdos, já que não são mais introduzidos novos exemplares hoje em dia.


Enquanto soltava o bagre, minha vara de cabeçuda me chamou para outro duelo como vocês podem observar na imagem. Uma briga atrás da outra!


E tem mais cabeçuda no temporal!



Fisguei outro belo exemplar na madrugada. Neste momento da pescaria, a mistura de amendoim com frutas era a massa que estava mais eficiente!


Muitas ações!




Equipamentos

Varas carpa de 3m, 3,6m e vara katarina de 3,6m

Vara mitchell (modelo orca) para pesca de Pintados

Molinetes abastecidos com linha 0,40 e 0,50 mm monofilamento

Iscas

Massas Farofa do Carlão de amendoim, frutas e banana e mel

Salsicha (peixes de couro)

Segue abaixo a receita da Massa Kibinho

– 1 kg de amicil p 40

– 1/2 kg de purina 45

– 1 pacote de suco de maracujá

– 1 pacote de flocos de milho, flocão

Modo de preparo: 1 kg de amicil, por meio kg de purina

Misturar com água o pacote de suco de maracujá e acrescentar um copo americano de flocão.

Esta pescaria teve o apoio do Pet Shop Agrovillas!


Também contamos com a qualidade dos chuveirinhos WFish para garantir boas fisgadas!


Agradecimento a todos do Pesqueiro Feroz pela grande receptividade. Logo voltaremos! Um forte abraço ao nosso amigo Adan Bruno pela companhia. Foi um grande prazer pescar com esse amigo gente finíssima. Obrigado também ao Hélio Japa pelas imagens cedidas.

Abraços a todos!

Imagens: Márcio, Hélio e Adan

Texto: Márcio Giannico

E-mail: marcio@loucosporpesca.com.br

Pesqueiro Feroz
Rua Madagascar, 200 – recanto maravilha III
Santana do Parnaíba-SP
www.ferozpesqueiro.com.br

AGRADECIMENTOS

Romano Pesca – www.romanopesca.com.br

King Fishing – www.roupasdepesca.com.br

Penn-Raiba Carretilhas – www.pennraibacarretilhas.blogspot.com.br

Massa Farofa do Carlão

Wfish – (11) 97365-6632

 

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

4 Comentarios to “Pescaria noturna no Feroz – 30/11/12”

  1. Felipe disse:

    Aeeeeeeee… esperei mto por essa receita Marcião, vc fez suspense demais cara…. hahahahahaha… parabens pela pescaria… e vlw pela dica da massa que eu queria a tanto tempo !!! E eu gostaria de dar uma dica de massa tambem, comprei e aprovei uma massa muito simples mas que possui uma grande eficácia. P40 com feromônio combinado de pouca quantidade de farinha de mandioca branca. Tive ótimos resultados pois o feromônio deixa os peixes loucos. Uma dica é turbinar essa massa com algums atrativo, queijo ralado, ou suco maracujá, uva, e por ai vai a mente do pescador… vlw galera !!!

  2. Kleber Sanches disse:

    Valeu Felipe. Já ouvi dizer tb que alguns pescadores estão utilizando com sucesso o feromônio mas não experimentei ainda. Grande abraço!

  3. Marcinho disse:

    valeu Felipe, ja ta anotada, parece ser top hein hehehheeh, desculpe a demora pra postar, valeu por curtir nossas materias
    forte abraço

    Marcinho loucos por pesca

  4. evair disse:

    Gostaria de saber se realmente vale a pena usar feromonio.

Deixe um comentario