Lagoa dos Patos (noturna) – 26/03/11

Uma pescaria fantástica realizada pelo pescador Márcio Giannico, onde não só as grandes cabeçudas marcaram presença, como também uma quantidade absurda de peixes de couro. Teve até Pincachara gigante na ponta da linha! O carpeiro também teve o prazer de conhecer muitos leitores do nosso site.

 

 

 

Olá amigos!

Como em outras vezes que participei das pescarias noturnas realizadas no Pesqueiro Lagoa dos Patos, a expectativa estava alta. Sabendo da estrutura do lugar, da comodidade referente à distancia, segurança para o pescador e sua família e a absurda quantidade de peixes e espécies, realmente é de deixar qualquer adepto à pesca esportiva muito ansioso em logo chegar o dia.

Acompanhou-me nesta pescaria minha esposa Simone, que sempre ouviu falar muito bem do pesqueiro, e desta vez seguiu comigo para a uma pesca noturna, que tantas fotos e comentários ela já havia presenciado.

Após arrumarmos tudo, partimos exatamente as 16:30, com o intuito de chegar um pouco mais cedo e dar um passeio pelo pesqueiro, porém o trânsito complicado que pegamos na av. Arincanduva e depois na Marginal Tietê, atrapalhou nossos planos. Um trajeto que faríamos facilmente em uma hora, demorou pouco mais de duas horas. Realmente um absurdo o trânsito que enfrentamos na capital para um sábado naquele horário.

Foi o tempo de chegar e já ajeitar um lugar, pois o clima estava muito bom e a expectativa era de pesqueiro lotado. Nos posicionamos no mesmo lugar que fiquei na outra pesca noturna, quase no final do lago, para deixar mais claro, ao lado de um cano em frente ao aerador. Para quem pretende pescar cabeçudas num dia de pesqueiro lotado, neste ponto é mais calmo e as chances aumentam.

Armei três conjuntos para pesca de Cabeçudas com massas Farofa do Carlão amendoin e frutas. Uma vara de ação média para peixes de couro com salsicha flutuante e uma telescópica com 4 m e linha 0,40 monofilamento para pescar jundiás e carpas húngaras, usando minhoca como isca.

No momento em que tocou a sirene para o inicio da pescaria e conseqüentemente os primeiros arremessos foram dados, começava uma seqüência incrível de ações. Não conseguia parar um minuto, era vara embodocada a todo o momento, começando com os famintos Jundiás na salsicha flutuante.

Também na salsicha, depois de um bote certeiro, a grande Carpa Espelho vêm nos dar as boas vindas.

Daí pra frente, os Jundiás vieram numa seqüência incrível, sendo 12 fisgados na salsicha e na varinha telescópica com minhoca. Uma briga muito boa! Não foram todos registrados pois eram praticamente iguais em tamanho.

Peixes soltos há 20 dias no Pesqueiro Lagoa dos Patos.

Outro ataque e em seguida um salto. A Matrinxã veio faminta e a briga foi espetacular.

Realmente as ações não paravam, estava encharcado de suor e mal sabia o que ainda estava por vir. Foi quando observei um bote forte na flor d’água. A vara dobra e a linha vai saindo do molinete pra todo lado, o peixe rasga o lago, numa briga de muita força. Com certeza um grande Pintado estava do outro lado, mas o que não esperava era que uma das minhas bóias de cabeçuda iria descer neste momento. Gritei para minha esposa Simone e ela foi com calma, trabalhou certinho a Carpa Cabeçuda, enquanto eu do lado dava as dicas e estava louco pra tomar a vara da sua mão. Quando o peixe encostou, não deu outra! Passei o comando do Pintado para ela e passaguei a rainha, enquanto minha esposa falava que a linha iria estourar, com a ajuda de outra pescadora que estava por ali conseguimos registrar a bela Cabeçuda.

Carpa cabeçuda na massa Farofa do Carlão de Amendoim com essência de panetone.

Liberei a Carpa rapidamente e voltei a luta com o peixe de couro. Neste momento ele passa pelo barranco oposto e laça uma linha de um pescador, que com muita gentileza conseguiu liberar, e volto novamente a minha batalha. A todo momento o grande peixe buscava refúgio embaixo do aerador e não tinha muito o que fazer, era deixar o bichão cansar.

Mais alguns rebojos e percebi que se tratava de uma gigante Pincachara, que aos poucos estava se entregando. Mais alguns minutos se passam, finalmente a bichona se entrega e agradeço ao amigo pescador que me ajudou a tirá-la da água.

Fica aqui meu agradecimento ao amigo Suzuki que me ajudou bastante, tanto para liberar meu chuveiro do passaguá, quanto na hora de tirar a Pincachara da água. Valeu pelo companheirismo!

A brutona foi fisgada com salsicha flutuante.

Agora ela volta ao descanso após um breve agradecimento pela grande alegria proporcionada ao pescador. Volta pra água bichão!

Fazemos uma pausa para saborear um delicioso churrasco vendido em todas as pescarias noturnas do Lagoa dos Patos, aproveitando para reativar as energias.

Logo em seguida, mais uma linda Pincachara bate na salsicha flutuante, a isca do dia, e outro briga boa acontece. Dessa vez a Simone vai pra foto.

E depois vamos ao estilo patenteado!

A todo momento tinham pescadores tirando peixes, então aproveitei para registrar alguns.

Mais uma linda Matrinxã aparece.

Em seguida vem um Tambacu.

Tem rainha chegando pessoal! A bóia some de uma vez, a briga se estende, meu peixe favorito reaparece e novamente tem emoção no Loucos!

Cabeçuda na Farofa do Carlão de amendoim com essência de laranja.

Beijinho na Carpa!

Já estava trocando a camisa para ir embora, quando um Tamba veio pra fechar a nossa excelente pescaria noturna.

Uma noite com muitas emoções realmente!

Agradecimentos a todos os funcionários pelo excelente atendimento e ao Marcão pela grande recepção novamente. Pescar no Lagoa dos Patos, como diria na gíria do futebol, é jogar em casa.

O amigo Élcio Suzuki, leitor de nosso site, esteve pescando conosco nesse dia, e nos mandou algumas fotos por e-mail das suas capturas e de seus companheiros.

Grande abraço a todos e até a próxima!

Imagens: Simone Giannico e árcio Giannico

Texto: Márcio Giannico

E-mail: marcio@loucosporpesca.com.br

Pesqueiro Lagoa dos Patos

Marginal da Rodovia Anhanguera, km 50,5 / sentido Capital – Interior

Fone: (11) 4537-1198

www.pesqueirolagoadospatos.com.br

AGRADECIMENTOS

O Boto – www.oboto.com.br

Massa Farofa do Carlão

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

3 Comentarios to “Lagoa dos Patos (noturna) – 26/03/11”

  1. Bruno Barbin disse:

    Bonita Pincachara Marcio, parabéns.
    Abraço.

  2. Douglas Galbiatti disse:

    E ai pessoal do loucos…gostaria de saber se vocês tem uma receita de massa caseira para a pesca dos redondos.

    Bela pescaria. Parabéns!

  3. Elcio Suzuki disse:

    Relamente foi uma otima pesca, recomendo para todos

    Ate a proxima abarços

Deixe um comentario