Pesqueiro Califórnia – 03/02/11

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Márcio Giannico faz uma pescaria entre muitos amigos e com muitas ações no Pesqueiro Califórnia. Para coroar a grande tarde de divertimento, nada melhor que uma gigantesca Carpa Cabeçuda para deixar o pescador eufórico. Uma das maiores rainhas do Califórnia nos braços do fanático cabeçudeiro!

 

 

 

E ai loucos!

Um dia desses, meu parceiro Edy, amigo há mais de vinte e cinco anos, apareceu aqui em casa para comentar sobre uma pescaria que tinha feito com amigos da igreja que ele freqüenta em um determinado pesqueiro, e que a pesca não teria sido muito boa, pois não tinham muito a prática. Papo vai, papo vem, combinamos de realizar uma pescaria, pois ele disse que naquele dia que foram foi uma grande decepção. Ficaria a meu critério as decisões sobre dia, local e horário. Sugeri o Pesqueiro Califórnia, pois teria mais comodidade em relação a distância e também nesta época eles soltam muitos Pacus, Patingas e Tilápias. Com certeza seria uma grande diversão para todos e também quem sabe apareceria alguma cabeçuda.

Dia e horário combinados, Edy levaria novamente seus amigos para tentar desta vez passar um dia com muitas fisgadas. Me acompanharam nesta pescaria: Edy, Mauricio, Leonardo, Felipe e Vitão.

Saímos um pouco mais cedo do que costumo, com o intuito de nos acomodarmos em frente ao restaurante, lugar este que acho o mais top do pesqueiro, tanto para a pescaria de fundo como de Carpas Cabeçudas. Chegamos na porta do Califórnia exatamente às 6 horas, uma hora antes de abrir, mas com um papo gostoso e muitas risadas o tempo passou rapidinho. Logo o pesqueiro abriu e como éramos os primeiros da fila, fomos nos acomodando no lugar que pretendíamos. Nem a garoa tirou a animação da turma.

Márcio, Mauricio, Leonardo, Vitão e Felipe

Começamos a pescaria com varas de fundo utilizando a massa Giannnico. Como as noticias de Carpas Cabeçudas não eram nada animadoras, lancei quatro conjuntos pra água para tentar cevar bem o local com a esperança de uma rainha aparecer. Todas com massa Farofa do Carlão de Amendoim , Frutas e Banana e Mel.

O tempo estava abafado e com uma leve garoa, clima ideal para realizar uma boa pesca. Dito e feito! Começaram a surgir os primeiros peixes acompanhados com grande festa. Momentos muito felizes, que mesmo com grande chance de não pegar nenhuma Carpa Cabeçuda naquele dia, só de ver a “molecada” contente já valeria. Vitão vai pra foto com sua primeira Tilápia.

Meu amigo Edy briga bem com um peixe de fundo e uma linda Carpa Comum nos dá as boas vindas.

Os Pacus também começam a aparecer.

Parecia que os quatro conjuntos que lancei pra cabeçudas começariam a dar resultados. Bóia para o fundo e Cabeçuda no Loucos!

A galera também foi pra foto.

A pesca começa animadora e as ações continuam. Vitão fisga outra linda Tilápia.

Agora tem bóia dançando e afundando. As cabeçudas começam a ser atraídas pela Farofa do Carlão. Mauricio nunca havia pescado uma Carpa, mas trabalhou certinho e foi recompensado com a sua primeira.

Logo em seguida, fisgo outra Carpa Cabeçuda e lá vem boas corridas e tomadas de linha. Parecia ser um exemplar maior e realmente uma linda cabeçuda aparece. As maiores começavam a dar as caras.

As ações de fundo não paravam e todos se divertiam com grandes fisgadas.

E os peixes vão aparecendo!

A chuva aperta, mas os peixes não param. Outra bóia desce e Mauricio pega outra cabeçuda. Exemplar com dois ferimentos recentes, provavelmente causados por mordidas de Pacus ou Traíras.

Muitas ações no Pesqueiro Califórnia.

Realmente a pesca estava fantástica em quantidades de ações. A todo momento tinha vara embodocada e de vez em quando bóia pro fundo.

Como naquele momento da pescaria os Pacus e Tilápias atacavam as massas de Cabeçudas, precisava fazer algo urgentemente, senão as Carpas dificilmente voltariam a comer. Até então eu pescava na profundidade de dois palmos, então aumentei mais um palmo nos quatro conjuntos para definitivamente apostar nas cabeçudas na parte da tarde. Parecia que estava fazendo a coisa certa e depois de 1 hora da mudança, uma delas desce sem cerimônias, fisgo e logo em seguida pergunto para o Leonardo se ele queria tirar. Ele começa a briga com a Cabeçuda e logo no inicio me chama e diz: “Marcinho, acho que está no enrosco ou é uma Carpa monstruosa! Então peguei a vara, fui levantando devagar e senti um grande peso na linha. Logo em seguida, uma tomada de linha assustadora e começava ali uma grande batalha.

Exatamente 20 minutos depois, a bóia aparece pela primeira vez.

Sabia que no Pesqueiro Califórnia havia alguns grandes exemplares, mas há tempos não apareciam e isso já me animava muito. Uma enorme Carpa Cabeçuda prancha no lago,  totalmente entregue, e como nosso passaguá estava um pouco desgastado, com muitas mordidas de Pacus, fui pra água dar um abraço na rainha e tirar a gigante com muito carinho.

Momento de pura adrenalina! Depois foi segurar firme e mostrar a beleza deste peixe.

Um dos momentos mais prazerosos vem posteriormente. Cabeçuda de volta a vida!

Alguns funcionários comentaram que existem mais exemplares igual a este e tem uma Carpa, que passa dos 35 kg, que há anos não é fisgada. Quem sabe um dia com muita persistência ela apareça aqui no Loucos por Pesca.

E a pesca não termina! Mais peixe no Pesqueiro Califórnia.

Percebendo alguns botes na flor da água, armei um torpedo com salsicha flutuante e depois de  alguns ataques errados, uma investida certeira revela uma Pincachara que briga muito antes de se entregar e deixar todos mais felizes.

Antes de fechar a pescaria, mais uma bóia desce e contempla este dia maravilhoso com muitos peixes.

Cabeçuda na Farofa do Carlão de Amendoim.

Fomos embora todos satisfeitos com um grande dia de pesca e contato com a natureza.

Agradeço a todos que participaram desta matéria, meu amigo Edy de longa data e foi um prazer ter conhecido Mauricio, Leonardo, Vitão e Felipe. Realmente pessoas incríveis e que logo marcaremos outra pescaria com certeza.

Agradecimentos também a todos do Pesqueiro Califórnia pela grande recepção. Quem sabe um dia tenho mais uma grande luta com uma gigante rainha. Vale ressaltar que agora a pesca esportiva está custando 15 reais.

Esta matéria teve o apoio do Pet Shop Agrovillas.

Imagens: Márcio Giannico, Edy e Mauricio

Texto: Márcio Giannico

E-mail: marcio@loucosporpesca.com.br

Pesqueiro Califórnia

Rua Regina Maria L. do Nascimento, 2114 – Capiburgo – travessa da Av. Sapopemba – km 37 (Mauá/SP)

Tel: (11) 4576-2357 ou (11) 4577-5316

www.pesqueirocalifornia.com.br

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

5 Comentarios to “Pesqueiro Califórnia – 03/02/11”

  1. Rafael disse:

    Parabens Marcião pela bela cabeçuda e pela bela materia mas ve se na proxima da um toque kkk aabraço !!!

  2. netinho loucos por pesca disse:

    boa marcinhooo.essa e a verdadeira baguááá heim!parabéns mano.

  3. Vitao disse:

    Muito boa a materia !!! California tah voltando as antigas !!!

  4. Edy disse:

    valeu Marcio essa foi uma das melhores pescaria que já participei, e vamos pra outra.um abraço.

  5. Vinicius disse:

    Cara, parabéns pelas matérias e pelos Bitelos que você fisgou.

    Gostaria de saber a configuração do chicote, diâmetro de linha, anzol, bóia e etc…

    Obrigado.

Deixe um comentario