Pesqueiro Monte Negro – 13/09/10

Uma bela pescaria da Equipe Loucos por Pesca no Pesqueiro Monte Negro, localizado em Santa Isabel, estado de São Paulo. A diversidade foi impressionante, com uma grande quantidade de espécies diferentes na ponta da linha. Márcio Giannico fisga Tambacus, Tilápias, Cabeçudas e muito mais!

 

 

Há tempos que estava com vontade de retornar ao Monte Negro, pois nas últimas pescarias que lá realizei não tive muitas ações e sei da qualidade do pesqueiro.  A vontade de fazer uma boa pesca era grande e aumentava a ansiedade de ir logo. Convidei meu tio Joaquim, conhecido popularmente como “sapo”, que na maioria das vezes que me acompanhou numa pescaria quase sempre não pescou, indo apenas para fazer companhia. Dessa vez insisti que ele teria que entrar na brincadeira e, depois de ter lido algumas matérias do Loucos, ele mostrou-se empolgado.

Começamos a pescaria com 3 conjuntos pra cabeçuda, usando Massa Farofa do Carlão de Frutas misturada com Amendoim, e três equipamentos de fundo com Massa Giannico.

Percebemos muita movimentação de tambas no lago e as Tilápias começaram a atacar as massas de cabeçudas, o que se tornaria uma constante o dia todo. Uma das varas de fundo sofre um forte tranco e em seguida ela emboca. Com certeza não era Tilápia! Meu tio Sapão fisga! Será que seria sorte de principiante? O peixe logo começa a tomar linha sem respeito algum e meu tio meio sem jeito ia se virando. Fui ao seu lado para lhe dar algumas dicas, pois a briga era boa, e como era praticamente seu primeiro peixe num pesqueiro, ele poderia apavorar, porém foi muito tranquilo e trabalhou bem, até que um bonito Tambacu se entregou e abriu a pescaria.

Sapão e seu primeiro peixe em pesqueiro. Belo tamba pra começar!

Os redondos estavam ativos pela manhã. Um bonito Pacu também não resiste a Massa Giannico e é fisgado por mim de fundo.

As ações estavam a todo vapor pela manhã e a pescaria prometia. Comecei a turbinar as massas de cabeçudas com essência de baunilha e enquanto isso uma de minhas bóias desce e meu tio, que estava por perto, fisga. Pensei que era uma Tilápia, mas na tomada inicial de linha já denunciou-se a presença da primeira rainha da pescaria.

Cabeçuda fisgada na Farofa do Carlão de Frutas com Amendoim.

Agora uma linda Tilápia do Nilo vem na Massa Giannico de fundo.

A essência de baunilha na massa de amendoim começa a funcionar e as cabeçudas aparecem no Loucos por Pesca.

Opa! Vem mais um Pacu na massa de fundo pro Sapão.

Até um “baby Pacu” não resiste à massa Giannico.

A sequência dos babys continua e agora quem aparece é uma matrinxã.

No meio de muitas Tilápias que atacavam as massas de cabeçuda, mais uma heroína rainha consegue uma folga e afunda a bóia que estava com esquema estirante. Numa boa briga vem mais uma Carpa Cabeçuda.

Quanto mais quente ficava o tempo, mais Tilápias apareciam, e o Sapão fisgou um lindo exemplar.

Uma das varas de fundo que arremessei com massa de cabeçuda com essência de maracujá, para tentar uma carpa húngara, dobra com brutalidade e uma longa briga começa. O material leve é castigado e a fricção dispara várias vezes. Por sorte o peixe tomou linha pro lado que estava vazio, e depois consegui controlar o bicho. A grande mancha escura começa a pranchar, um lindo tamba que fez o pescador suar.

Ainda cansado com a boa briga, vejo uma de minhas bóias descerem e no embalo fisgo. Desta vez é um astuto Corimbata que vem pra mostrar a diversidade do pesqueiro e devora a Farofa do Carlão de Amendoim.

Na sequência, tome bóia pro fundo! Uma Cabeçuda briga muito, toma bastante linha, corre de lado, embola varias bóias, faz um verdadeiro sururu, mas faz parte. O que importa é a rainha no braços.

E depois é hora de liberar o exemplar pra vida.

Pra fechar a pescaria, mais duas lindas Tilápias aparecem. Foi um absurdo o tanto de bocudas fisgadas em todo o pesqueiro. Por todo lado que olhávamos era uma saindo atrás da outra.

Muitos exemplares de tamanhos gigantescos dobravam as varinhas com micro molinete ou as telescópicas. Fica ai a dica para os tilapeiros, admiradores dessa espécie fascinante.

Segue algumas imagens do pesqueiro.

Vista parcial do tanque grande, estacionamento e lanchonete.

Tanque grande para a pesca esportiva.

Tanque pequeno para pesca esportiva, onde habitam grandes Tambas e Pirararas.

Fica aqui meu agradecimento a todos do Pesqueiro Monte Negro por mais uma grande recepção. A diversidade de peixes que lá habitam é bem grande e com a chegada das massas de ar quente, fica a expectativa pelas grandes piras e os tambas gigantes aparecerem com grande frequência. Nosso site tem muitos fanáticos por esta pesca e especialistas no assunto, então logo deveremos ter alguns grandinhos por aqui.

O fato triste fica por conta do grande número de queimadas por toda região ou grande parte dela. No pesqueiro mesmo, em muitas fotos da matéria percebe-se claramente muita devastação. Mesmo no retorno a São Paulo notei muitos focos de queimada beirando a pista e nos morros. Sinceramente acho uma absoluta falta de atitude das autoridades, já que estamos há tempos na era digital, no top das tecnologias do mundo com coisas mirabolantes, invenções robotizadas, conectados ao mundo em segundos, há tempos fomos à lua, e ainda não sabemos atravessar a rua. Falta atitude das autoridades!!!

Abraço a todos e até a próxima pescaria.

Imagens: Márcio Giannico e Joaquim

Texto: Márcio Giannico

E-mail: marcio@loucosporpesca.com.br

 

Pesqueiro Monte Negro – Santa Isabel/SP

Estrada Monte Negro – km 2

(11) 4656-2917 – Rogério ou Sebastião

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

3 Comentarios to “Pesqueiro Monte Negro – 13/09/10”

  1. rodrigo marcilis disse:

    realmente o pesqueiro é muito bom ,faz mais de um ano que não vou lá , pois a água estava fermentada, depois desta matéria voltarei com certeza.

    Obrigado loucos por manter-me informado mais uma vez

  2. Gui disse:

    Uma dica , o lago menor eu recomendo para uma pesca de tambas e piras pois lá os peixes são maiores lá , já fisguei um tamba de 22kg no lago menor e uma cachapira de 15 kg lá tambem , essse pesqueiro é mto showw

  3. Luiz Gustavo Nogueira disse:

    Olá amigos do Loucos por Pesca!
    Primeiramente parabéns pela reportagem e pelos belos peixes fisgados!
    Estou indo nesse sábado 24/05/2014 no pesqueiro Monte Negro pela primeira vez e gostaria de saber, quais iscas devo levar para obter grande sucesso?
    E quais espécies de peixes são mais ativos nesta época do ano?
    Um forte abraço!

Deixe um comentario