Pesqueiro Recanto dos Peixes – 15/10/09

Uma bela pescaria com show de tambas fisgados e direito a triplê. Dia de muito vento e chuva, mas com a presença do sol ao entardecer para nos proporcionar belos exemplares e fotos. 

 

 

Olá amigos do Loucos por Pesca.

Há algumas semanas eu vinha acumulando vontade de voltar em um dos pesqueiros que mais gosto na região onde moro. Combinei então com meus amigos Felipe e Edson e fomos em busca dos tambas que são muito abundantes no Recanto dos Peixes de Monte Mor, interior de São Paulo.

No dia anterior à nossa pescaria, muito calor e uma noite agradável com temperatura elevada nos deixou ainda mais ansiosos e esperançosos. Entretanto o clima não se repetiu na quinta-feira e já chegamos ao pesqueiro sob chuva e um vento muito forte. Para piorar um pouco, também não conseguimos o lugar que desejávamos no lago, pois cinco pescadores chegaram mais cedo que nós.

Fomos armando nossos equipamentos bem devagar e até um pouco desanimados com a ingrata surpresa do tempo. Tive então uma idéia para motivar meus amigos. Fiz um desafio ao Edson, que sempre foi um dos nossos leitores assíduos e tem nos acompanhado em praticamente todas as últimas pescarias. Entreguei a ele um uniforme do Loucos por Pesca e prometi integrar-lhe a equipe se ele fizesse uma boa pescaria. Com um sorriso no rosto ele prontamente aceitou.

Logo após terminar a montagem da minha primeira vara, tive a primeira ação do dia. Uma matrinxã não resistiu ao minhocoçu, afundou com vontade a bóia torpedo e iniciou sua conhecida seqüência de saltos.

Fomos armando os materiais aos poucos e sem pressa, pois os peixes estavam pouco ativos no inicio do dia.

O Felipe resolveu se arriscar nas iscas artificiais e nos primeiros arremessos já fisgou uma Piraputanga no spinner.

Motivado pela ação na artificial, Felipe foi ao lago de cima do Recanto dos Peixes e repetiu o trabalho feito na isca. Após um bom tempo de insistência, outra fisgada e nova seqüência de saltos, dessa vez uma matrinxã vem pra foto.

A chuva já estava mais amena e não incomodava tanto. As vezes dava uma pancada um pouco mais forte, mas o problema maior eram os ventos que não terminavam.

Eu e o Edson perdemos algumas fisgadas no minhocoçu iscado nos torpedinhos, primeiro o peixe escapava e depois também tivemos cada um sua vez de ter as linhas estouradas.

O Felipe começou então a se dar bem na pescaria de fundo, que é a modalidade que mais garante tambas no Recanto dos Peixes. Os exemplares costumam ser menores que os fisgados na superfície, porém as vezes aparecem bons tambacus também.

O primeiro do dia foi pego com ração umedecida na pinga e essência de panetone.

Peixe que nos deu maior expectativa pro decorrer do dia.

Já era meio-dia e precisávamos correr atrás do prejuízo. Meia hora depois de soltar o primeiro “redondo”, foi a vez do Edson fisgar o seu. Novamente na pescaria de fundo, dessa vez utilizando massa mafish vermelha.

Tivemos uma pausa de uma hora nas ações. Eu já me perguntava se não fisgaria um exemplar do peixe que mais gosto em pesqueiros, quando uma das minhas varas de fundo com ração começa a beliscar. Os tambas do Recanto são muito manhosos e só ficam dando leves puxadas na isca, você tem que ficar esperto pra fisgar. Peixe garantido, briga boa e passaguá nele.

Pedimos uma porção de tilápia e enquanto almoçávamos na beira do lago vimos uma bela seqüência do Felipe. Foram quatro tambacus fisgados com intervalo de apenas vinte minutos entre cada um deles.

O primeiro foi no lago de cima com mafish de sangue.

Quando ele resolveu comer a porção, sua vara começou a dar as beliscadas e não deu outra.

Novamente na mafish de sangue ele garantiu um belo exemplar. O peixe brigou bem, sempre correndo pro meio do lago quando chegava perto da margem.

Os peixes não estavam subindo devido ao vento que não dava trégua, então o jeito era buscá-los no fundo.

E para finalizar sua incrível seqüência, o Felipe pegou o menor tambacu do dia na massa no fundo.

Mais uma pausa de cerca de uma hora nas ações e já estávamos chegando no final da tarde. O vento cessou por poucos minutos e foi o suficiente para eu e o Edson garantirmos nossas fisgadas na bóia.

Primeiro ele pegou um “redondo” de respeito no minhocoçu com chicote de 1,5m. Mesmo na superfície os peixes geralmente se alimentavam bem manhosos e as vezes nem chegavam a afundar a bóia. Iam puxando de lado bem devagar e era hora de garantir a fisgada.

Peixe largo e briguento.

Depois foi a minha vez. Eu estava usando um anzol chinú, ração pequena com aroma de morango e chicote de 30cm. Como ventou quase o dia inteiro e em vários momentos garoava, preferimos não armar as cevadeiras. Quando queríamos cevar utilizamos o estilingue porque o lago é pequeno.

Na seqüência já voltou o vendaval e só foi parar depois de meia hora. Já era 17:30 quando finalmente o tempo melhorou e nos deu a chance de tornar a pescaria excelente.

Lá estava o Edson brigando novamente com um tamba no minhocoçu. O pescador parecia ter gostado da oportunidade de entrar definitivamente pra família “Loucos por Pesca”.

Apenas dez minutos depois chegou o melhor momento da pescaria. Primeiro o Felipe fisga um peixe no lago de cima, depois é a vez do Edson e logo na seqüência outra de suas varas de fundo começa a beliscar e garanto a fisgada. Tínhamos um triplê de tambacus na ponta das linhas e muitos motivos para comemorar.

Conseguimos tirar todos ao mesmo tempo pra dividir com vocês este momento.

Todos foram fisgados no fundo com massa ou ração na pinga.

A pescaria já estava garantida, todos satisfeitos e já conformados em ter que ir embora, quando o sol nos proporcionou um espetáculo de rara beleza.

Eu já tinha guardado meu torpedo com minhocoçu, mas resolvi tentar o último arremesso usando a ração com essência de morango. Fui ajeitando a tralha e de olho na bóia, até que ela afundou e travei minha melhor briga do dia.

Cerca de 15 minutos depois, se entrega um belo Tambacu para fechar meu dia com chave de ouro.

Muito bom pescar num cenário desses pra quem só viu o céu nublado e chuva o dia inteiro.

Guardamos todos os equipamentos e quando o Felipe foi pegar sua última vara teve uma surpresa. Sua bóia com salsicha flutuante tinha sumido e ainda dava tempo pra última briga. Já estava escuro quando tiramos da água o maior exemplar desse sortudo pescador também.

Hora de carregar o carro e voltar pra Campinas. Apenas cerca de 30 minutos nos separam desse reduto de tambas que mesmo em um dia feio, chuvoso e de muito vento, nos proporcionou excelentes fisgadas.

Não saíram os gigantes com mais de 20kg que habitam esse lago esportivo, mas alguns exemplares com 14 e 13kg já nos renderam boas brigas.

Agradecimentos ao Luis e seja bem-vindo Edson. Agora você também faz parte dessa equipe de pescadores fanáticos.

Abraços a todos.

 

Imagens: Kleber Sanches, Edson Paes e Felipe Brussi

Texto: Kleber Sanches

E-mail: kleber@loucosporpesca.com.br

 

Pesqueiro Recanto dos Peixes

ESTRADA DE MONTE-MOR/SP – KM 19,5

Tel: (19) 3879-1834 ou (19) 9773-0031 (Luis)

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

16 Comentarios to “Pesqueiro Recanto dos Peixes – 15/10/09”

  1. Edson (bugrino) disse:

    Aceitei -com entusiamos- o desafio do Kleber na mesma hora!!! Venho acompanhando o site desde o início, fiz novos amigos e aprendi mto com todos esses loucos, e é com muito orgulho que visto a camisa e entro para a equipe!!!

    Agradeço ao Kleber e a todos os loucos pelo convite e espero contribuir para o site!!!

    Valeu Klebão e Felipão pela pescaria de ontem, entre fisgadas e risadas fizemos uma ótima pescaria!

    Edson Paes de Camargo
    Equipe Loucos por Pesca!

    P.S – “Oh meu Deus, que beleza!!!! hehehehe”

  2. Marcinho disse:

    1º- caracas q pesca hein putzzzzz ate triple show mesmo seu loucos por pesca e por chuva hehehehhehehe, muiuto boa pesca mesmo muito peixe parabens!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    2ºEdson,seja bem vindo apesar d vc ser da casa faz tempo, agora so falta batizar heheheheheheh, pouco q te conheço mais ja da pra saber q vc é uma cara gente boa mesmo blz e mais uma vez parabens por fazer parte desta familia.

    grande abrasss e otimas pescaria seu louco hehehehehehehheeh

  3. felipe brussi disse:

    ééé gente a pescaria foi muito boa apesar do dia!!!
    me diverti com o spinner e fora ah risadas hehe…
    Parabens ao mais novo louco Edson o cara mereceu..
    Edson vc pescou muito, se vai brilhar muito no loucos hehehe…isso disse o zina do panico na tv kkkkkk.

    Oh belezaaaaa!!!hahahaha. =)

  4. Bruno Camanzano disse:

    Belos tambas rapaziada. Parabéns pela pescaria, como sempre deram show.

  5. Gabriel Mattos disse:

    Esse pesqueiro é muito bom. Da primeira vez que fizeram matéria por lá eu resolvi conhecer e não me arrependi mesmo. Agradeço a indicação e vamos combinar uma pescaria por lá. Abração e sucesso pros loucos.

  6. Cleiton Cps disse:

    Muitos peixes fisgados em um dia de pescaria. Loucos por Pesca ta cada dia melhorando e eu estou cada vez mais viciado nesse site rsrsrs Semana que vem quero pescar de verdade senão morro rsrs abraco

  7. Edinho (bugrino) disse:

    Valeu Marcião e Felipão!!!

    Vdd né, só faltava o batizado msmo, tenho pescado com vcs faz tempo já!!! Já era da casa e agora entrei pra familia hehehehe

    Até a próxima pescaria loucos!

  8. Fernando de Paiva disse:

    Putsss, mais um Bugrino na equipe assim a gente cai pra segundona!!!!!kkkkkkkkkkkk

    Brincadeiras a parte seja bem vindo Edson, sempre fui a favor de te colocar na Equipe pq, voce representa mano ta sempre junto nas pescas e isso que vale tem que ir não importa onde não importa o tempo!!! E vamo pesca junto logo pow!!!

    Ahh e bela pescaria parabéns Kleber e Felipe tb!!

    Abraços a todos

  9. Felipe Brussi disse:

    valew Fernando e gostei do que se falou hehe…decapoco nois cai pra segundona hehe abraços

  10. Diego Oliveira disse:

    eae galera showwww q triple é esse heim 3 tamba e 3 loucos kkkkkkkkk parabéns galera, seja bem vindo a equipe edson agora vc é mais um louco nesse grande bando de loucos kkkk…

    abrass…

    Diego Oliveira ” Loucos Por Pesca ”

  11. Thiago Bueno disse:

    opa!
    belos peixes, apesar da chuvinha chata!

    agora, klebão, no seu primeiro tamba la, vc n deu o sorrisao! kkkkkkkkkkkk

  12. Flavio Aparecido Empke disse:

    Gostaria de saber o endereço certinho deste pesqueiro e o telefone, quero tentar pegar uns redondos iguais a estes.

    Bela pescaria.

  13. Felipe Brussi disse:

    Meu filho parabens , o teu vô Toninho ficaria muito orgulhoso de vc , lembrando que no dia 21/ outubro ele faria 58 anos , pois ele que começou a te levar nas pescarias ; beijo de teu pai Rodnei .

  14. Kleber Sanches disse:

    Flavio, o endereço e telefone estão no final da matéria. ESTRADA DE MONTE-MOR/SP – KM 19,5. Tel: (19) 3879-1834 ou (19) 9773-0031 (Luis). Você deve ir pela Anhanguera e passando pelas entradas de Campinas vai ver placa para Monte Mor. Abraços

  15. Fernando disse:

    Olá, gostaria de saber se é necessário molinete ou carretilha com capacidade para bastantente linha, ou seja os arremessos são longos ou curtos neste lago?
    Parabéns pelas matérias e desde já agradeço!

  16. sandro disse:

    qual e o preço da pesca esportiva,qual e horario de pesca,pode pescar a noite

Deixe um comentario