PESQUEIRO CAPITUBA – 15/09/16

PCAPITUBA06

O Loucos por Pesca marcou presença no Pesqueiro Capituba após sete anos sem irmos ao local. Os peixes, que já eram grandes, cresceram ainda mais e agora gigantescos Tambacus estão presentes no lago do pesqueiro. Tivemos uma pescaria difícil, porém bons exemplares apareceram.

 

 

 

Olá amigos do Loucos!

Desde 2009, o primeiro ano do site Loucos por Pesca, eu não marcava presença no Pesqueiro Capituba. O local, que na época já abrigava grandes exemplares, teve naturalmente seus peixes engordados, ou seja, agora o Capituba conta com Tambacus que já bateram na faixa dos 35 kg.

Após ver fotos de alguns grandes peixes nas redes sociais, decidi que era a hora de voltar ao pesqueiro. Entrei em contato com a dona Teresinha, nossa amiga e parceira de longa data, e rapidamente combinamos nossa pescaria.

LAGOCAPITUBA01

LAGOCAPITUBA02

Os pescadores presentes foram eu (Kleber Sanches), o Muryllo e nosso amigo Everton Moreira. Escolhemos ficar no muro, ponto que considero um dos melhores do lago no Capituba.

Armamos duas varas cada para Pirararas, utilizando mussarela e salsicha.

Para os tambas lançamos nossos torpedos hulk da JR PESCA, que são pesados, já que o lago do Capituba é de grandes dimensões e os maiores redondos comem do meio para a frente.

LAGOCAPITUBA03

LAGOCAPITUBA04

No comecinho da pescaria, o Everton arriscou uma vara de fundo e usando de isca um doce de coco, algo parecido com beijinho. O peixe envergou bonito a vara no suporte e saiu tomando linha. A briga foi pesada, o pescador tinha esperança de ter engatado um gigante, porém era um forte Tambacu que estava na ponta da linha! Percebíamos ali que os peixes do Capituba podem enganar no tamanho, já que são muito briguentos.

PCAPITUBA01

Um peixe de médio porte veio para os braços do pescador.

PCAPITUBA02

PCAPITUBA03

Uma vara pesada dava sinal de vida, uma forte catracada e o alarme berrando alto nos chamavam para a briga. O Everton saiu em disparada e fui atrás. Quando chegamos lá era a minha vara, armada com mussarela, que estava toda envergada! O Everton a retirou do suporte e deu uma confirmada no que parecia uma grande Pirarara. O peixe contra golpeou com uma tremenda puxada de linha! Quando o pescador me passou o equipamento para eu travar o duelo com a Pirarara, foi questão de 3 segundos para o peixe escapar. Fui dar uma manivelada na carretilha e a linha afrouxou inexplicavelmente! Não deixamos a linha bambear, mas são coisas que acontecem em pescarias.

Coloquei isca novamente e arremessei no mesmo lugar, porém a Pirarara não me daria outra chance neste dia.

Como o pão não estava dando resultado com os tambas, o Everton pegou minha vara do torpedo e tentou colocar o doce de coco. Tivemos algumas ações, porém não obtivemos sucesso nas fisgadas.

Com um pequeno pedaço de mussarela, iscada no torpedo hulk, da JR PESCA, chicote de cerca de 1 metro, veio meu primeiro tamba no dia. Peixe de médio porte também, mas que serviu para dar uma animada.

PCAPITUBA04

PCAPITUBA05

O dia estava propício para a pesca de cevadeira, sem vento, mas o sol atrapalhava a subida dos tambas.

LAGOCAPITUBA06

Antes do almoço, insistindo bastante na boia cevadeira, quando poucos peixes estavam comendo, minha boinha afunda e eu instantaneamente mando o braço! O peixe estava engatado e uma briga insana começava. O esquema era cevadeira Kuro, da JR PESCA, chicote de linha mono 0,50mm, boinha e miçanga sorocaba em um pequeno anzol Chinu. A altura da boinha foi cerca de 30 cm. O Tambacu brigou demais, foram incansáveis tomadas de linha e o pescador já não aguentava mais! Boia sempre correndo na superfície, peixe usando seu peso, toda a característica de um enorme Tambacu, mas como os peixes já tinham se mostrado muito fortes não quis cravar que era uma “panela”. No final um grande Tambacu se rendeu, peixe na faixa dos 20 ou 21 kg, mas pela briga parecia ter muito mais!

PCAPITUBA06

PCAPITUBA07

Impressionante o tanto que brigam os peixes do Capituba.

PCAPITUBA08

PCAPITUBA09

Fizemos uma pausa para o almoço e a tarde não seria das melhores. Definitivamente os tambas não estavam com fome nesse dia e mesmo insistindo eles só subiam espalhados na ceva. Um ou outro estouro aqui e ali, sem constância na superfície para comerem a ração que era despejada pelas nossas incansáveis boias cevadeiras da JR PESCA.

LAGOCAPITUBA07

No finalzinho do dia, o Everton decidiu ir lá do outro lado arriscar uns arremessos e foi presenteado com mais umas ações. Após perder alguns peixes, ver um pescador tirar um tamba de uns 23 kg, ele garantiu um bonito Tambacu na cevadeira com ração furadinha.

PCAPITUBA10

PCAPITUBA11

PCAPITUBA12

Assim encerramos nossa pescaria, porém o pesqueiro seguiu até as 23 horas já que era dia de pesca noturna. Os amigos que pescaram ao nosso lado tiveram algumas ações no canudo de doce de leite no fundo.

Vale ressaltar que a proprietária do Capituba estava querendo proibir o uso dessa isca, assim como a ração Special Dog para cevar, afim de preservar a qualidade da água do lago.

Confira abaixo alguns grandes peixes que já foram capturados no Pesqueiro Capituba.

CAPFACE01

CAPFACE02

CAPFACE03

CAPFACE04

CAPFACE05

CAPFACE09

CAPFACE14

CAPFACE15

CAPFACE18

CAPFACE20

CAPFACE21

CAPFACE22

CAPFACE24

CAPFACE26

CAPFACE28

CAPFACE30

CAPFACE25

CAPFACE11

CAPFACE12

CAPFACE13

CAPFACE23

CAPFACE06

CAPFACE29

CAPFACE27

Agradecimentos a dona Teresinha pela confiança de sempre no Loucos por Pesca.

Grande abraço a todos e VAMOS PESCAR!

Imagens: Kleber Sanches, Muryllo Santos e Everton Moreira

Texto: Kleber Sanches

Pesqueiro Capituba

Rodovia SP 344, Jd. Recanto – sentido São João da Boa Vista/Vargem Grande do Sul, Km 226

Telefones: (19) 3633-1773 ou (19) 3633-0206 – Terezinha

AGRADECIMENTOS

King Fishing – www.roupasdepesca.com.br

King Brasil – www.kingbrasil.com.br

Penn-Raiba Carretilhas – www.pennraiba.com.br

As Matadeiras – www.facebook.com/asmatadeiras

JRPESCA – www.jrpesca.com.br

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

Deixe um comentario