CASTELINHO – A VEZ DAS VELHAS PIRARARAS!

GABCASTLE06

Nosso pescador Gabriel Ishiki, foi duas vezes no Pesqueiro Castelinho, atrás das monstruosas Pirararas que habitam o local. Além de acertar alguns grandes tambas, ele também fez uma rápida brincadeira com os Tucunarés e garantiu algumas gigantes Pirararas, velhas habitantes deste famoso lago.

 

 

 

Olá pescadores.

Aproveitando o grande volume de chuvas e calor intenso que tivemos no começo do ano, fizemos duas pescarias atrás das gigantes Pirararas do Pesqueiro Castelinho, espécie muito ativa com essas características climáticas.

A primeira aconteceu nos dias 16 e 17 de janeiro.

Apesar do foco ser os peixes de couro, enquanto as varas das Pirararas ficam no suporte, vamos atrás dos redondos. Assim que chegamos no pesqueiro, capturei um belo Tambacu na cevadeira.

GABCASTLE01

GABCASTLE02

Logo em seguida, outro bom peixe foi fisgado, mas acabou escapando. No final da tarde, ainda capturamos um tamba um pouco menor.

GABCASTLE03

Como de costume, antes de escurecer, as varas das Pirararas foram revisadas e aguardamos as puxadas. Próximo das 22 horas, fui conferir uma das varas e para minha surpresa ela estava totalmente envergada e a carretilha soltando linha. Por estar atrás da arvore, não ouvimos o alarme. Após muita briga, tirei uma gigante!

GABCASTLE04

GABCASTLE05

Os amigos Tiago e Neto também vieram para o registro.

GABCASTLE06

Algum tempo depois, o Neto também tirou sua pira.

GABCASTLE07

No dia seguinte, as Pirararas estavam pouco ativas durante o dia e, após perder alguns tambas, consegui tirar um belo peixe no final da tarde, pescando com as boias cevadeiras do nosso amigo Junior da JR PESCA.

GABCASTLE08

GABCASTLE09

Belo Tambacu para o Loucos por Pesca!

GABCASTLE10

GABCASTLE11

Com a chegada da noite, voltamos o foco às Pirararas e novamente próximo das 22 horas tivemos a primeira ação. Quando o Tiago estava revisando as varas, um dos meus equipamentos puxou forte e ele começou a briga até eu chegar, mas quando assumi o duelo tivemos uma surpresa, outra vara envergou e dessa vez era uma do Tiago. Após muita luta com os peixes, tiramos duas das gigantes Pirararas do Pesqueiro Castelinho.

GABCASTLE12

GABCASTLE13

GABCASTLE14

Após esse dublê, não tivemos mais ações. Arrumamos as coisas e voltamos para casa com gosto de quero mais, pois apesar de capturarmos poucos peixes, foram grandes os exemplares, daqueles bichos que valem o esforço!

Duas semanas depois, voltamos à caça dos grandes peixes em uma pescaria nos dias 29 e 30/01.

Logo na chegada, fomos recepcionados por um pôr do sol dos mais belos que já presenciei.

GABCASTLE15

Após armar as varas, começamos a pescaria. Durante a noite, tive apenas uma ação, porém me rendeu uma grande pirarara, que foi capturada na cabeça de Tilápia.

GABCASTLE15a

GABCASTLE15b

GABCASTLE15c

Os amigos Marcelo e Tiago, que já estavam lá pescando, capturaram algumas Pirararas. Segue foto de uma para ilustrar.

GABCASTLE16

Na manhã seguinte, a sorte melhorou e dois peixes puxaram minhas linhas. A primeira Pirarara acabou escapando após muita luta, mas a segunda veio para a foto.

GABCASTLE17

GABCASTLE18

Pirarara capturada com Tuvira e equipamento pesado dos nossos parceiros da Penn Raíba. Carretilha Penn 45 gls com linha 0,90 mm e vara de 80 lb.

GABCASTLE19

No decorrer do dia, pescamos também em outro lagos e uma boa opção que temos no Castelinho é o lago símbolo do pesqueiro, que está com uma excelente quantidade de Tambacus, Tambaquis, Pintados, Tucunarés, entre outros. Utilizando pão, meu grande amigo Fabinho capturou um belíssimo Tambaqui.

GABCASTLE20

GABCASTLE21

Outra opção muito esportiva são os Tucunarés, que estão presentes em praticamente todos os lagos do pesqueiro e proporcionam muita diversão, inclusive na pescaria no visual.

GABCASTLE22

GABCASTLE23

Na procura dos tucunas, avistei grandes Tambacus perto de uma moita no antigo lago vip. Busquei um equipamento, armado com a cevadeira parruda da JR PESCA e, após duas cevadas, uma grande explosão levou tudo para baixo! Depois de muita briga, onde tive sorte do peixe não levar para os paus que tem naquele lago, consegui trazer o belo Tambacu.

GABCASTLE24

GABCASTLE25

Enquanto fomos atrás dos outros peixes, o Marcelo capturou mais uma boa Pirarara.

GABCASTLE26

Voltando aos Tucunarés, a pescaria estava muito divertida e a todo momento víamos diversos cardumes e grande exemplares nas margens dos lagos.

GABCASTLE27

Cena que enche os olhos de qualquer pescador.

GABCASTLE28

GABCASTLE29

GABCASTLE30

Assim que escureceu, antes de desmontar os equipamentos, ainda capturamos mais uma Pirarara para fechar mais uma bela pescaria no Pesqueiro Castelinho, que sempre surpreende pela diversidade e grandes surpresas que proporciona aos pescadores esportivos.

GABCASTLE31

GABCASTLE32

Abraços a todos!

Imagens: Gabriel Ishiki e amigos

Texto: Gabriel Ishiki

Castelinho Pesca e Lazer

Rodovia SP-304 – São Pedro/SP

Tel: (19) 3481-3447

www.pesqueirocastelinho.com.br

AGRADECIMENTOS

Loja Corricos – www.corricos.com.br

King Fishing – www.roupasdepesca.com.br

King Brasil – www.kingbrasil.com.br

Penn-Raiba Carretilhas – www.pennraiba.com.br

As Matadeiras – www.facebook.com/asmatadeiras

JRPESCA – www.jrpesca.com

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

Deixe um comentario