Recanto do Pacu – 14/03/09

RECANTOPACU140309

A vontade de pescar estava muito grande e novamente nossa equipe foi ao Pesqueiro Recanto do Pacu em Sousas atrás de muita ação na ponta da linha. O dia foi de muitos Tambacus e Pacus e o destaque foi uma enorme Pirarara fisgada por um dos pescadores presentes no pesqueiro. 

 

 

 

 

Olá amigos do Loucos por Pesca.

Além de mim e do André tivemos a presença de dois amigos. Gerson (tio do André) e Tadeu (meu pai) que chegou no final da tarde.

Fazia um calor muito forte e o sol se fez presente na maior parte do tempo. É uma pena que nos dois dias anteriores choveu bastante e isso deixou a água do lago bastante suja.

Armamos varas de fundo e outras com bóia. Definitivamente os peixes estavam comendo mais no fundo e tivemos poucas ações na bóia durante o dia inteiro.

As iscas usadas foram: salsicha, fígado, massa, minhocoçu, tuvira, pão e ração. A única que não deu bom resultado nesse dia foi a tuvira. As outras todas trouxeram muitos peixes, com destaque para a salsicha e para o fígado.

A quantidade de peixes fisgados, principalmente tambacus e pacus, foi muito grande. A média foi de 3 a 6kg. Cada um de nós pegou cerca de vinte peixes. Os grandes resolveram não aparecer, mas ficamos satisfeitos porque tivemos muita ação na ponta da linha durante o dia inteiro.

Era jogar a isca na água e esperar pouquíssimo tempo para garantir a fisgada. Dublês foram muito comuns durante todo o dia.

Percebi uma briga intensa de outro pessoal que estava no canto do lago e logo pude perceber que se tratava de uma das grandes pirararas. Foi engraçado porque pai e filho se revezaram bastante na briga com o peixe.

Após mais de 30 minutos de briga, eu e o dono do pesqueiro ajudamos a tirar da água uma bela pirarara com cerca de 35kg tranquilamente. A isca usada foi a salsicha.

O seu Raimundo (dono do pesqueiro) me contou que comprou mais de 100 alevinos de Pirarara e está deixando separadas para engordar. Daqui um tempo elas vão para o lago fazer a alegria de muitos pescadores. A demora no crescimento do peixe com certeza será recompensada com muita emoção depois.

E os tambacus continuavam atacando em todas as iscas. Parecia que brigavam para saber quem viria para a foto.

Tadeu pegou um belo Corimba, diversificando um pouco os peixes fisgados. Mas logo em seguida os tambas já voltavam atacando.

Uma das varas de fundo envergou e deu uma boa corrida inicial. Como a isca era salsicha bem próxima da margem, tudo indicava um peixe de couro. E assim André fisga uma pequena Cachara.

Enquanto eu brigava com outro tambacu, André fiscava seu segundo peixe de couro, uma pincachara. Logo ambos vieram para a foto.

Já no final da tarde, todos fisgam peixes simultaneamente. Assim um quadruplê é formado, mostrando que no Recanto do Pacu ninguém fica sem ação.

 

 

Em seguida André com os dois peixes que fisgou.

E assim terminou mais uma pescaria com muita ação no Recanto do Pacu. No finalzinho da tarde o dono do pesqueiro jogou um pouco de ração na água e a quantidade de pintados que subiam era impressionante. Mais de vinte bocudos faziam a água borbulhar.

Assim que o tempo se firmar um pouco mais, voltaremos atrás dos grandes peixes que habitam o lago do Recanto do Pacu.

Gostaríamos de agradecer ao seu Raimundo e sua esposa Geralda pela recepção.

Imagens: Kleber Sanches, André Billi

Texto: Kleber Sanches

E-mail: kleber@loucosporpesca.com.br

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

5 Comentarios to “Recanto do Pacu – 14/03/09”

  1. Kauan Giglio disse:

    to doido pra conhecer esse pesqueiro, mas vou esperar esquentar um pouquinho hehe

    abraços

  2. Kleber Sanches disse:

    E ai Kauan!!! Vale a pena conhecer o Recanto do Pacu sim. Porém realmente você terá que esperar esquentar, pois o proprietário fecha o pesqueiro no frio. Se não me engano ele já fechou dia 15 de junho e só reabre em setembro!!! Abraços

  3. Willian disse:

    Vocês não me conhecem mais eu conheço um amigo de vocês que se eu não me engano vocês e ele fizeram uma pescaria lá em Piracicaba, o apelido dele é Chapolim e o nome é Ademir, foi ele que me falo do site de vocês, muito massa as reportagens gostei muito, e sobre essa matéria do Recanto do Pacu concerteza vale a pena ir la é sem duvida um dos melhores pesqueiros que existe, eu mesmo já fisguei vários lá e na maior parte das vezes o que bate são peixes grandes e brigadores dando uma boa briga.

    Abraços.

    Willian

  4. giovani disse:

    belos peixes mais pacus e tanbaquis desse tamanho logo no pesqueiro com o nome de recanto dos pacus vcs pegam peixes desse tamanho

  5. Kleber Sanches disse:

    Giovani, a média de tamanho dessa espécie lá não é das maiores. Existem grandes exemplares, assim como nosso amigo Bruno Barbin pegou um Tambaqui de 30kg, mas os menores predominam e costumam chegar antes na isca. Abraços

Deixe um comentario