EXPEDIÇÃO ARAGUAIA – SET 2014 / TV LOUCOS 35!

CAPAARAGUAIASET2014ok

Em uma região bastante preservada, comprovamos toda a piscosidade do famoso Rio Araguaia. Por lá tivemos embates memoráveis com as grandes Pirararas e gigantes Piraíbas de até 2,05 metros. Confira o resultado desta expedição e sinta toda a adrenalina na TV LOUCOS com as rainhas do Araguaia!
 

 

 

Olá amigos!

Depois de muito esperar, chegava a hora de embarcarmos novamente rumo ao nosso rio preferido: o Araguaia. Só que dessa vez íamos em um grupo maior e percorreríamos uma grande distância. Após muitas conversas e preparativos, nos encontramos em Goiânia com o grupo formado: eu (Fernando), meu irmão Edgard, meus primos Luiz Fernando e Augusto e os amigos Saulo, Gustavo, Wender e Marcelo.

Rapidamente seguimos viagem de van até a cidade de Luiz Alves – GO, que seria nosso ponto de partida para o longo caminho que ainda teríamos pela frente. Fomos muito bem recebidos pelo nosso amigo Heraldo, que é o proprietário da Pousada Rei das Piraíbas, onde pernoitaríamos para seguir viagem no dia seguinte.

EXPEDARAGUAIA01

EXPEDARAGUAIA02

A pousada possui amplos e confortáveis quartos com camas de solteiro e casal, ar condicionado, frigobar, tv, telefone, internet wi-fi, banheiros privativos com ducha quente/frio e roupas de cama, tudo sempre limpo e arrumado pelos funcionários.

EXPEDARAGUAIA03

EXPEDARAGUAIA04

EXPEDARAGUAIA05

Como o próprio nome diz, a pousada é voltada para a captura das Piraíbas. Ela conta com guias especializados e com o conhecimento do dono, que também é pescador dos grandes bagres. Se o seu sonho é fisgar a rainha dos rios, não deixe de conhecer a Pousada Rei das Piraíbas.

LONGA VIAGEM

Nossa hospedagem no Estado de Goiás foi curta. Na manhã seguinte, bem cedinho, já estávamos no porto esperando nossos guias, que seriam: Tetéu, Nica, Caçula e Jales. Além de amigos, eles são exímios guias quando se trata da pescaria dos grandes peixes de couro.

EXPEDARAGUAIA06

Barcos arrumados e seguimos viagem rumo ao nosso destino final, que seria a cidade de Luciara, que já se encontra no Estado do Mato Grosso. Seriam oito horas ininterruptas de canoa, somente com rápidas paradas para reabastecimento. O percurso é longo e cansativo, mas as belezas encontradas pelo caminho e a ansiedade pela grande pescaria, fizeram com o que o tempo voasse.

EXPEDARAGUAIA07

EXPEDARAGUAIA08

Chegamos e vimos uma situação muito diferente do que estamos acostumados. A presença de embarcações era praticamente inexistente, apenas índios, moradores da região, eram avistados por nós. O lugar era de rara beleza e tranquilidade, isso só podia ter um resultado: muitos peixes!

A VEZ DAS PIRARARAS

Enfim, depois de dois dias de viagem, daríamos inicio a nossa pescaria, com foco total nas grandes Piraíbas. Começamos bem cedo, capturando algumas iscas, que consistiam em Cachorras e Bicudas.

EXPEDARAGUAIA09

EXPEDARAGUAIA10

Pescaria bem divertida e rápida, tamanha era a quantidade de cardumes encontrados.

EXPEDARAGUAIA11

A pescaria na região ocorre de uma forma diferente de Luiz Alves. Pescamos somente com as iscas cortadas em postas e o tempo de espera nos pontos não passava de trinta minutos, para que assim pudéssemos cobrir os melhores locais de pesca em um mesmo dia.

EXPEDARAGUAIA12

As primeiras ações foram das grandes Pirararas, peixe robusto e muito forte, que nos proporcionou excelentes batalhas.

EXPEDARAGUAIA13

EXPEDARAGUAIA14

EXPEDARAGUAIA15

Todos do grupo já haviam fisgado ao menos uma Pirarara cada, espécie encontrada em abundância na região.

EXPEDARAGUAIA16

EXPEDARAGUAIA17

As Piraíbas teimavam em não aparecer, mas tínhamos tempo para encontrá-las e assim foi feito.

PIRAÍBAS EM AÇÃO!

Nosso guia Tetéu, assim como nós, já estava ansioso pela captura das prateadas do rio Araguaia, e não demorou muito para que isso acontecesse no segundo dia. Logo na primeira soltada das iscas, vejo a vara do meu irmão envergar com força. Fisgada certeira e peixe subindo o rio rapidamente, era certeza de ser a Piraíba. Com o barco solto e a batalha controlada, logo colocamos a mão no nosso primeiro troféu, ainda de tamanho modesto, mas de rara beleza.

EXPEDARAGUAIA18

EXPEDARAGUAIA19

EXPEDARAGUAIA20

Ao encontrarmos os amigos, vimos que mais sonhos se tornaram realidade naquele dia, já que as rainhas deram as caras e já tínhamos quatro na conta do grupo.

EXPEDARAGUAIA21

EXPEDARAGUAIA22

Todas capturadas, fotografadas e soltas, como deve ser feito sempre.

EXPEDARAGUAIA23

EXPEDARAGUAIA24

EXPEDARAGUAIA25

EXPEDARAGUAIA26

PEIXES E MAIS PEIXES!

As Piraíbas estavam com fome e todos aproveitaram para fazer suas capturas. Eu, como também sou filho de Deus, queria fisgar a minha. E foi assim, após soltar um belo pedaço de Cachorra como isca, que vi a sorte sorrir para o meu lado. Peixe fisgado, tomando linha, até finalmente se render e fazer a alegria do pescador.

EXPEDARAGUAIA27

EXPEDARAGUAIA28

EXPEDARAGUAIA29

Descrevo para vocês amigos leitores, é muito emocionante estar dentro do rio Araguaia, brigando com o peixe, em contato direto com a natureza, o que faz com que todo cansaço e esforço sejam esquecidos. É realmente uma sensação impar, que deveria ser vivida por todo pescador esportivo.

Nesse mesmo dia, a dupla formada pelos meus primos ainda teve a felicidade de retirar das águas uma gigante Piraíba, que mediu 1 metro e 87 centímetros.

EXPEDARAGUAIA30

Primeira vez no Araguaia e eles já fisgavam um enorme exemplar.

EXPEDARAGUAIA31

GIGANTES NO ANZOL

Ao todo já somávamos sete Piraíbas e doze Pirararas para todo o grupo.

EXPEDARAGUAIA32

EXPEDARAGUAIA33

Apesar de estarmos em busca das Píraibas, as Pirararas também eram bem-vindas em nossa pescaria.

EXPEDARAGUAIA34

EXPEDARAGUAIA35

EXPEDARAGUAIA36

E elas apareceram em boa quantidade e tamanho.

EXPEDARAGUAIA37

EXPEDARAGUAIA38

EXPEDARAGUAIA39

EXPEDARAGUAIA40

EXPEDARAGUAIA41

Ainda tivemos um dia atípico, no qual as ações zeraram, mas ainda nos restava o último e derradeiro dia de pesca. Era hora do esforço final.

Subimos o rio e apostamos tudo no ponto em frente a uma grande aldeia indígena, local no qual o rio se afunila e forma um canal propicio para pesca das rainhas de couro.

EXPEDARAGUAIA42ok

Não demorou muito e a vara, que estava ao lado de nosso guia, envergou com uma força absurda! Ele fisgou e o contra-ataque foi imediato, peixe descendo o rio, quando de repente a linha afrouxa. Sem explicações o peixe se foi, frustração total, pois sabíamos que uma gigante tinha sido perdida.

Não tínhamos tempo para nos lamentarmos, então voltamos à luta, e em menos de meia hora, novamente na vara do Tetéu, uma puxada violenta denunciava outra Piraíba na linha. Dessa vez ela tinha que ser nossa. Um lindo peixe, medindo 1 metro e 63 centímetros, posou para nossas lentes e foi prontamente devolvido para a vida.

EXPEDARAGUAIA43

EXPEDARAGUAIA44

EXPEDARAGUAIA45

EXPEDARAGUAIA46

Aliviados e felizes, tivemos forças para capturar mais uma no fim do dia, tendo como cenário um lindo pôr do sol.

EXPEDARAGUAIA47

EXPEDARAGUAIA48

EXPEDARAGUAIA49

Pescaria realizada, estávamos voltando para a casa onde ficamos, quando no meio do caminho encontramos o nosso amigo Saulo, que estava com o guia Nica, brigando com algo que parecia ser grande. Prontamente paramos nosso barco para acompanharmos o que seria uma verdadeira batalha. A luz do dia foi se extinguindo e a preocupação com a chegada da noite foi tomando conta de todos.

EXPEDARAGUAIA50

A luta era desigual e o peixe não dava trégua. Teve que ser feito um revezamento na briga, pois pouco a pouco a Piraíba foi vencendo todos pelo cansaço. A adrenalina e a tensão foram companheiras de luta, até que em um último esforço o companheiro conseguiu trazer o peixe mais para perto e os guias conseguiram finalmente dominá-lo nos braços.

EXPEDARAGUAIA51

EXPEDARAGUAIA52

A explosão de alegria foi contagiante. Todos na água, extasiados diante do tamanho do animal, um verdadeiro monstro, que registrou 2 metros e 5 centímetros de pura força.

EXPEDARAGUAIA53

EXPEDARAGUAIA54

Após a rápida sessão de fotos, soltamos a fera firme e forte, para que ela possa continuar dando alegrias a todos que lançam suas iscas por aquelas águas.

SALDO FINAL

A coragem e todo planejamento de se aventurar em um lugar tão longínquo e quase que inabitado, rendeu para nós momentos inesquecíveis. Capturamos ao todo 12 Piraíbas e 15 Pirararas, o que são apenas números, mas que mostram que com a preservação e a conscientização de todos os pescadores, podemos realizar pescarias fantásticas, em meio a muitos peixes e muita natureza. Então fica a dica: PESQUE E SOLTE, SEMPRE!

Confira abaixo a TV LOUCOS 35!

EQUIPAMENTOS UTILIZADOS

Varas Giant Catfish 6’6 120lbs

Carretilhas Penn International 30 e Penn Senator 6/0

Anzóis 12/0 e encastoados 200 lbs

EXPEDARAGUAIA55

EXPEDARAGUAIA56

Quem gosta de pescaria pesada tem na Penn-Raíba carretilhas uma grande aliada. Eles comercializam carretilhas novas e semi-novas, revisadas, além de fazerem manutenção. Todas as carretilhas são entregues com garantia de 1 ano e passam por uma minuciosa revisão antes de serem colocadas para venda, sendo substituídas possíveis peças com defeito ou muito desgastadas.

A Penn-Raíba trabalha com toda a linha de carretilhas da renomada Penn, uma referência em matéria de qualidade e durabilidade.

Entre em contato com os sócios Felipe e Daniel, grandes pescadores, que saberão indicar qual equipamento mais adequado para a sua pescaria. Confira o catálogo no site: pennraibacarretilhas.blogspot.com.br 

Abraços e até a próxima!

Imagens: Fernando Paiva, Edgard Paiva e amigos

Texto: Fernando Paiva

E-mail: fernando@loucosporpesca.com.br

Guia Tetéu
(62) 9801-1188

Pousada Rei das Piraíbas – Luiz Alves/GO
(62) 3382-3104 / (62) 9694-2796 / (21) 99570-4488

Penn-Raíba Carretilhas
http://pennraibacarretilhas.blogspot.com.br

Você pode deixar um comentário, ou fazer um trackback para o seu site.

3 Comentarios to “EXPEDIÇÃO ARAGUAIA – SET 2014 / TV LOUCOS 35!”

  1. Ricardo Massaro disse:

    Show de pescaria, ao que vem estarei me aventurando por lá!!! Abraços.

  2. Renato Testa disse:

    Falai Galera do loucos por Pesca!
    Bela Pescaria hein. Já fui no Araguaia em 2013 e quero voltar nesse lugar. Um abraço especial ai pro Saulo, meu amigo aqui de Jundiai. Parabens pela bela pescaria rapaziada.

    Renato Testa de Jundiai – SP

  3. Parabéns parceiros… Só que conhece o Araguaia sabe o que é brigar com uma Piraiba… A rainha do Rio… PARABÉNS SHOW

Deixe um comentario